apics scm now

 A guerra por talentos pode estar saindo das salas de diretoria e entrando nos tribunais, de acordo com um artigo publicado na semana passada no The Wall Street Journal. A Amazon está processando um ex-funcionário, Arthur Valdez, por assumir o cargo de diretor de cadeia de suprimentos na Target. “A gigante de comércio eletrônico se unia assim a uma tendência cada vez mais comum nas cadeias de suprimento corporativas: lutar ferozmente contra a caça de executivos”, escreve Loretta Chao.

A Amazon não é a única que batalha para manter seus especialistas; ou, pelo menos, evitar que eles compartilhem seus segredos comerciais. Em fevereiro, a XPO Logistics, Inc. entrou com uma ação contra as empresas de logística concorrentes YRC Worldwide Inc. e R + L Carriers Inc., mas os processos não impediram que os profissionais de cadeia de suprimentos fossem trabalhar.

“As batalhas judiciais destacam que a crescente importância do know-how de logística no desempenho de uma acirrada cadeia de suprimentos é um ponto cada vez mais central para a vantagem competitiva das empresas, desde o projeto do armazém até a gestão de estoque, distribuição e a forma como elas lidam com os dados”, observa Chao. “Empresas como Amazon e XPO, que estão desafiando velhas práticas empresariais em setores tradicionais como transporte, assumiram uma posição de forte defesa de suas estratégias.”

Para a crescente participação de mercado da Amazon, é fundamental sua capacidade de realizar entregas rapidamente a seus clientes, muitas vezes no mesmo dia. Nos bastidores, isso requer uma rede complexa e expansiva de centros de execução e provedores de transporte de alta tecnologia. A XPO é uma transportadora de carga fracionada (“Less than Truckload”, ou LTL) que consolida o frete de diversos transportadores e gerencia caminhões por todo o país. Os varejistas, em especial, confiam nos serviços desse tipo de empresa para a obtenção dos produtos de acordo com sua necessidade, em vez da manutenção de grandes estoques.

O artigo cita Peter L. O’Brien, chefe da prática de cadeia de suprimentos global da empresa de pesquisa executiva Russell Reynolds Associates. “O grande problema da cadeia de suprimentos é mover-se tão rapidamente que, neste momento, não há muitas pessoas que sejam consideradas líderes em seus campos de atuação. Essas pessoas valem seu peso em ouro.”

Você vale o quanto pesa?

Como destaca o artigo do The Wall Street Journal, líderes talentosos de cadeia de suprimentos estão se tornando cada vez mais necessários para as empresas e a obtenção de vantagem competitiva. Considere o vínculo entre vantagem competitiva e conectividade estratégica, que é explicado no recente relatório Gestão da cadeia de suprimentos: compreendendo o sucesso da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management: Realizing Supply Chain Success): “A conectividade estratégica se refere à capacidade da empresa de conectar-se efetivamente com parceiros da cadeia de valor. Ela envolve a capacidade de receber informações de clientes e parceiros da cadeia de suprimentos para processos relacionados com inovação de marketing, gestão de demanda, cronograma e operações de produção, e entrega. Isso é particularmente importante para empresas envolvidas em operações omnicanal, o que requer que elas se mantenham conectadas com diferentes clientes em distintos segmentos de mercado. Além disso, a conectividade estratégica deve incluir a capacidade de gerenciar uma grande variedade de riscos por meio do uso efetivo da internet e das mídias sociais”.

Compreender o sucesso da cadeia de suprimentos é parte do “Gestão da cadeia de suprimentos: Para além do horizonte” (“Supply Chain Management: Beyond the Horizon”), um projeto permanente realizado por uma equipe de pesquisa em cadeia de suprimentos da Universidade Estadual de Michigan com o apoio da Eli Broad College of Business e do Conselho de Cadeia de Suprimentos da APICS. Mais dados do relatório e do projeto estão disponíveis em www.apics.org/sites/apics-supply-chain-council/research-and-publications/research-projects/supply-chain-management-beyond-the-horizon.

Ao avaliar suas habilidades e a vantagem competitiva da sua empresa, considere participar da premiação “APICS Corporate Awards of Excellence”, que reconhece as organizações com desempenho e dedicação superiores para avançar nos campos da cadeia de suprimentos e da gestão de operações. As duas categorias premiadas são Capacitação e Inovação. Para obter mais informações, visite www.apics.org/about/overview/awards/corporate.